Polêmica do Programa Lixo Zero da Prefeitura de Bogotá

by

No dia 2 de março de 2014, Bogotá realizará um plebiscito para decidir se seu Prefeito, Gustavo Petro, retomará seu cargo após perder o cargo devido a uma sentença do Inspetor Geral da Colômbia, Alejandro Ordoñez.

O Inspetor Geral da Colômbia decidiu que Petro, que foi eleito por vias democráticas, deveria perder seu cargo devido às ações realizadas durante a implantação do programa Lixo Zero de Bogotá, no qual estão inclusos milhares de catadores. Ordóñez promulgou sua sentença em 9 de dezembro de 2013.

O programa Lixo Zero foi implantado pelo governo de Petro como resposta a uma decisão de 2011 do Tribunal Constitucional, que disse que os catadores devem ser incluídos no sistema de gestão de resíduos sólidos do município. Representantes dos catadores afirmaram que embora o sistema atual precise de ajustes, ele foi um progresso significativo, já que inclui os catadores de forma oficial e os compensa por seu trabalho.

Com a decisão do Inspetor Geral Ordóñez para que Petro perca seu cargo, o atual programa Lixo Zero de Bogotá e os meios de sustento de milhares de catadores estão sob risco. Como resposta a isso, a ARB (Associação de Catadores de Bogotá), juntamente à Associação Colombiana de Catadores, redigiu um abaixo-assinado em apoio ao Prefeito Petro. A ARB, com o apoio técnico e de pesquisa da WIEGO, que é parceira do Cidades Inclusivas, vem lutando pela inclusão dos catadores no programa de gestão de resíduos sólidos de Bogotá. Ambas as organizações participaram recentemente do Estudo de Monitoramento da Economia Informal, do Cidades Inclusivas, do qual o relatório da cidade de Bogotá será publicado em breve. Saiba mais sobre o trabalho da WIEGO com a ARB.

Os catadores também apoiaram o Prefeito Petro de forma ativa em passeatas pró-Petro na Plaza de Bolivar, em Bogotá.

 

Mais Informações

Assista os vídeos “Chronicle of a Fight for Inclusion” (“Crônica de uma Luta pela Inclusão”, tradução livre) para obter mais informações sobre o processo de inclusão de catadores no sistema de gestão de resíduos em Bogotá, no nível local, e na Colômbia, no nível nacional.

Assista Nohra Padilla, da ARB, neste vídeo, que mostra o motivo pelo qual ela foi escolhida como uma das Vencedoras do Prêmio Ambiental Goldman 2013.

Leia sobre a ARB e outras organizações de catadores em “Refusing to Be Cast Aside: Waste Pickers Organising Around the World” (Recusando a Marginalização: catadores Organizam-se Pelo Mundo, tradução livre).